Foto: divulgação / Polícia Civil

A casa do suspeito funcionava como armazém de montagem e reparo de armas

Durante a operação Narco de âmbito nacional, deflagrada nesta sexta-feira (3) pela Polícia Civil para combater o tráfico de drogas, um homem que não teve o  nome divulgado foi preso por comércio ilegal de armas de fogo, em Ivinhema.

Segundo o Jornal da Nova, na casa dele foram apreendidas nove espingardas, uma pistola rudimentar, uma besta rudimentar, diversos acessórios, munições de calibres 22, 38 e 762 e tubos de pólvora.

O local funcionava como armazém de montagem e reparo de armas. O morador cobrava para exercer ilegalmente os serviços a pessoas da região. A pena pelo crime pode chegar até 12 anos de reclusão. A operação contou ainda com o cumprimento de mandado em outra residência.

Na cidade de Três Lagoas, desdobramentos da Operação Narco Brasil foi concluída com 13 mandados cumpridos; três deles de prisão. Foram apreendidos porções de maconha, uma arma de fogo Glock calibre 380, além de fios de cobre.

FONTE: CAMPO GRANDE NEWS

Comentários